Projeto em Porto Alegre impressiona pela identidade forte e decoração atemporal

Tons escuros e um visual que remetesse a grandes capitais do mundo – esses eram alguns dos pré-requisitos deste projeto encomendado ao escritório Ambidestro. Situado em Porto Alegre, o apartamento de 130 m² foi reformado em apenas seis meses até garantir a ambientação quente, atemporal e masculina desejada pelos seus moradores.

A reforma, segundo os arquitetos, foi radical: paredes que dividiam cozinha e área social foram derrubadas, sendo esta ampliada ao integrar a sacada. O espaço da antiga área de serviço virou cozinha, enquanto o local de preparo das refeições transformou-se em sala de jantar e o quarto de empregada, uma lavanderia. Os três quartos deram lugar a dois, sendo um destinado a hóspedes e o outro uma suíte master, mais ampla, com dois closets e banheiro integrado.

Após as intervenções, a estrutura das vigas se mantiveram à mostra, dando o start para o décor urbano. Ao concreto aparente somou-se placas de MDF revestidas com melamina preta e cinza chumbo foscas, responsáveis por imprimir o visual dark e compor a marcenaria. Outro elemento primordial é a lâmina de madeira pau ferro que, com seus veios avermelhados, reveste alguns pontos de destaque do projeto.

Além de trazer aconchego, o material utilizado em buffets, aparadores e paredes inteiras deu unidade ao apartamento e, por ter uma tonalidade quente, combinou perfeitamente com alguns itens da decoração – caso do sofá em couro caramelo.