Decorar apartamentos pequenos requer planejamento e criatividade, para arquitetos e decoradores, que precisam transformar o espaço, em funcional e  confortável ao mesmo tempo. 

Com apartamentos cada vez menores, é mais do que necessário, que os arquitetos e decoradores usem a criatividade para reorganizar os espaços e dar novas funções aos cômodos.

O segredo ao decorar apartamentos pequenos está na otimização dos espaços, integrando e harmonizando os ambientes.

Confira abaixo algumas dicas que separamos para os arquitetos e decoradores nessa missão não tão impossível:

1. Procure transformar e misturar os ambientes

Muitos imóveis pequenos podem ser transformados em um loft, com  adaptações que costumam integrar diferentes ambientes. Como por exemplo, colocar um closet e um banheiro juntos, ou transformar uma cozinha em um corredor. A primeira dica é o bom aproveitamento dos espaços, com móveis versáteis.

O que importa é analisar a estrutura do espaço e verificar o estilo de vida de seu futuro morador e o objetivo do imóvel. Será um escritório? Um apartamento de casal? Um espaço para home office?

2. Estude o perfil de seus moradores

Procure levar em conta o perfil do futuro morador. Se for um casal jovem, que tal criar um ambiente  contemporâneo, com uma decoração mais pop e alternativa?

Escolher móveis de marcenaria, com múltiplas funções é uma boa dica para otimizar espaço.

Muitos móveis, quando fechados, servem de aparador ou baú para guardar objetos que não precisam ficar visíveis.

3- Use a criatividade

Muitos apartamentos pequenos podem aproveitar a luz natural para dar uma ideia de espaço. Se o apartamento apresenta a tubulação do ar-condicionado visível, coloque um quadro ou um painel de madeira bacana para esconder,

Muitos espaços também ficam valorizados, com um estilo industrial. Nesse caso, procure usar tons neutros e cimento queimado. Pisos revestidos por porcelanato, imitando madeira clara, dão ideia de espaço.

4 – Opte pela tradicional marcenaria

Móveis de madeira feitos sob medida costumam ser uma boa saída para espaços pequenos. Mas, procure variar nos tons de madeira. Assim, você criará ambientes harmônicos e poderá aproveitar peças em MDF.

Outra ideia é fazer móveis funcionais, como cadeiras que se encaixam em estantes, por exemplo.


5 – A iluminação é um fator decisivo

A iluminação natural é uma boa alternativa para espaços pequenos. Caso não aja a possibilidade de aproveitar essa luz, luzes artificiais também ajudam a destacar determinados  ambientes.

Espelhos também são ótimas formas de aproveitar os espaços reduzidos, pois dão a sensação de amplitude.

6 – Se possível, aproveite o espaço vertical

Uma tendência de grandes cidades é aproveitar o espaço vertical dos imóveis para implantar espaços com dois ou três níveis . No primeiro pode-se colocar  a sala de estar/tv, e no segundo com um mezanino, pode ficar o quarto, com mais privacidade para seu futuro morador.

A escada que dá acesso ao mezanino ainda pode servir para colocar livros, sem muito exagero, é claro!  

Chegamos ao final do nosso artigo. Se você tem alguma dica sobre como decorar espaços reduzidos, deixe abaixo o seu comentário e siga as nossas redes sociais.