O mais novo restaurante do McDonald’s foi inaugurado na quinta-feira (9/08/18), em um edifício de vidro de mais de 5 mil metros quadrados, que se parece muito com às lojas Apple Store. O espaço, projetado pela Chicago Ross Barney Architects, também reforça o compromisso da companhia com a sustentabilidade, com 70 árvores e painéis solares no local.

 

 

Árvores foram plantadas em torno de pavimentos permeáveis, que permite minimizar o trabalho de irrigação assim como escoamento de água em épocas de chuvas mais fortes.

No centro da loja, há um jardim suspenso de samambaias e bétulas brancas, presas a uma estrutura de vidro suspensa no teto.

 

 

O pé direito duplo com 8 metros de altura é decorado com uma paleta com tons de madeira claros, superfícies cinzas e móveis pretos. Isso – juntamente com a forma do cubo de vidro do prédio, levou a comparações com as lojas da Apple, que muitas vezes apresentam um estilo minimalista semelhante e os mesmos materiais.

 

 

Nota: A Apple patenteou o design diferenciado de seus espaços de varejo em 2013.

Os móveis, os gráficos e o layout do McDonald’s foram projetados pela Landini Associates, sediada em Sydney, que já trabalhou com a empresa em projetos anteriores – incluindo um piloto em Hong Kong.

 

 

Outra grande novidade ficou por conta da tecnologia trazendo mais praticidade

 

Com máquinas de auto-atendimento, os clientes podem fazer pedidos, customizá-los e pagar por ali mesmo. O drive thru também ganhou um upgrade com um caixa extra e duas filas para os carros. Se manter conectado também é fácil no restaurante, já que tablets com acesso à internet e redes sociais foram disponibilizados em algumas mesas do espaço. Além disso, o restaurante tem uma magic table, uma mesa com tela interativa para jogos e um espaço kids totalmente reformulado. A maioria das mesas possui carregador sem fio para celulares.

 

 

Mc Donalds em Paris com um novo conceito arquitetônico

 

O McDonald’s sempre foi conhecido por seus restaurantes de cores fortes, mas a empresa tem feito vários movimentos para mudar essa imagem nos últimos anos. Lojas como a dos Champs-Elysées em Paris, do designer francês Patrick Norguet, graduado na famosa École Supérieure de Design, seu trabalho percorre desde a arquitetura à moda. Patrick Norguet vêm desenvolvendo novos projetos para a marca desde 2014.

 

 

Novos projetos também na Holanda

 

Outro escritório que vêm contribuindo para estas mudanças de posicionamento da empresa, é o Mei Architects de Roterdã, na Holanda, que repaginou a loja do centro de Roterdã com o conceito de design diferenciado.

 

 

A Ross Barney Architects foi fundada por Carol Ross Barney em 1981, e está por trás de projetos como o recém-concluído Chicago Riverwalk, e uma estação de controle do tráfego da cidade, que fica dentro de um tubo perfurado.

 

Referências:
https://chicago.eater.com/2018/8/9/17670960/mcdonalds-flagship-restaurant-photos-chicago-downtown-energy-modern-images-open-river-north
https://hypebeast.com/2018/8/mcdonalds-new-chicago-flagship-location-inside-look